Idealização e realização:

Chamadas de Bons Negócios Pelo Clima

Chamadas de Bons Negócios Pelo Clima

  • Todos os Estados
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6

As Chamadas da Climate Ventures são anuais e tem duração média de 4 meses. São 2 por ano: a Chamada de Bons Negócios Pelo Clima para negócios em fase de maturidade mais avançada; e a Competição de Ideias de Negócios Verdes para startups em fase de maturidade mais inicial.

90 startups avançam para as fases finais das Chamadas e 25 se consagraram vencedoras em seus respectivos ciclos.

Desenvolvimento

– Influenciar outros ecossistemas sobre a relevância e potência de bons negócios para o clima no combate às mudanças climáticas
– Desenvolver ecossistema para fomento aos bons negócios para o clima
– Contribuir com a qualidade dos empreendimentos climáticos
– Conectar empreendimentos climáticos com mercado, investidores e parceiros
– Produzir, sistematizar e compartilhar conhecimento sobre bons negócios para o clima
– Ter os negócios bons para o clima mapeados.

O foco no impacto climático e a rede da Climate Ventures.

Não, a iniciativa é oferecida gratuitamente

Competição de Ideias de Negócios Verdes: Bootcamp - 2 dias de imersão com treinador da ClimateLaunchPad - Climate KIC para trabalhar os seguintes módulos: 1) Sonho dos Fundadores, 2) Segmentação de mercado e primeiros clientes, 3) Criando valor e comunicando com os seus consumidores, 4) Criando uma startup com saúde financeira, 5) Como ter impacto no clima, 6) Como construir e apresentar seu pitch. São 20 horas de treinamento presencial em grupo para os finalistas Chamada de Bons Negócios Pelo Clima: 1 dia, 9 horas de duração com workshops de modelagem de negócios, teoria de mudança e pitch, oferecido por parceiros da Climate Ventures para os finalistas da Chamada.

Suporte às startups selecionadas através de conexão com o ecossistema de apoio como mentores, aceleradoras, incubadoras e outros atores que fomentam o campo. São feitas pontes e conexões entre os empreendedores e a rede da Climate Ventures durante todo o programa. O networking e as indicações são constantes. Os empreendedores são envolvidos e convidados para uma série de eventos exclusivos da Climate Ventures ou de seu ecossistema de apoio. Nesses momentos-vitrine, apresentam seus pitches para o ecossistema diante de um público extretamamente sinérgico e qualificado. Também são convidados para expor seus produtos e serviços dentro de feiras e participam de rodadas de negócios e investimentos.

As Chamadas da Climate Ventures culminam em Demodays, apresentações de Pitch, rodadas de negócios e rodadas de investimentos para investidores. É o momento final da jornada de aprimoramento dos negócios percorrida pelos empreendedores.

- Competição Global de Ideias de Negócios Verdes: apresentação de pitch das startups finalistas e anúncio dos vencedores dentro do GRI Reporting Summit, para mais de 300 pessoas do ecossistema. Os 33 primeiros colocados apresentaram seus pitches na etapa global da competição, que em 2018 foi em Edimburgo na Escócia 19 em Amsterdam na Holanda (2019), o evento conta com cleantechs de mais de 60 países.Além de eventos no Brasil, como o Summit da Climate Ventures para mais de 200 pessoas do ecossistema de Clima do Brasil e espaço para apresentação de pitch para os finalistas da competição no evento Sustainable Brands. - Chamada de Bons Negócios Pelo Clima: Speed dating para parceiros para os 10 finalistas da Chamada. Destaque e espaço para Pitch no Summit da Climate Ventures em 2018 - evento para mais de 200 pessoas do ecossistema de Clima do Brasil. Espaço para apresentação de pitch para os finalistas da Chamada no evento Sustainable Brands. Espaço em mídias próprias da Climate Ventures (site, instagram, linkedin, facebook, newsletter...) Parceria com a Revista Página 22 - Seção ""Negócios Pelo Clima"" Programa de Impulsionamento da Climate Ventures como prêmio para os primeiros colocados das Chamadas e Competições.

Somente os finalistas das Chamadas acessam a rede de mentores da Climate Ventures. Em geral, cada startup tem um mentor próprio dentro de cada programa. São pelo menos 2 sessões de mentoria de 2h cada para cada empreendimento. As sessões acontecem seja online, seja presencialmente, dependendo da disponibilidade dos mentores e dos empreendedores, bem como da compatibilidade das localidades em que se encontram. A Climate Ventures investiga o caso a caso dos empreendimentos para descobrir quais as necessidades mais urgentes de cada projeto. Com esse diagnóstico, mobiliza sua rede e articula suas conexões para trazer pessoas com conhecimentos específicos para contribuir com as necessidades identificadas. São mentorias de Gestão (pessoas/processos/projetos/finanças), Jurídico, Networking e Parcerias, Estratégia de Comunicação & Marketing, Tecnologia & Inovação, Assessoria Financeira /Investimento, Conhecimento de Mercado, Estratégia Comercial / Produto, Modelagem de Negócios, Desenvolvimento Organizacional (jornada do empreendedor), e Mensuração de Impacto Socioambiental.

Encontros presenciais reunindo empreendedores de ciclos passados e atuais da Chamada, da Competição e dos Labs. Grupos de whatsapp para cada um desses públicos, compartilhados com outros atores do ecossistema como governo, grandes empresas, investidores, institutos e fundações, incubadoras e aceleradoras, mentores e parceiros, academia. Compartilhamento de oportunidades e notícias do ecossistema em todos esses pontos de contato. Criação de espaços e encontros específicos dentro dos programas das Chamadas para troca e conexão entre os empreendedores.

  • Todos os Estados

ola@climateventures.co

O são Negócios de Impacto, Novembro 2019 – Aliança pelos Investimentos e Negócios de Impacto

Suplementar – foco Climate Ventures

Um negócio bom para o clima deve ter pelo menos um e/ou outro dos atributos abaixo:
– Mitiga emissões de gases do efeito estufa
– Contribui com adaptações às mudanças climáticas
– Regenera o Planeta Terra e seus ecossistemas
– Reduz pressão sobre recursos naturais ao longo de toda a cadeia produtiva

Um negócio bom para o clima deve ter necessariamente (normativo):
– Tem modelo de negócio que visa a sustentabilidade financeira através dos serviços e produtos que desenvolve
– Promove justiça social no desenvolvimento de suas atividades e em toda a cadeia produtiva

Não há restrições acerca da política de dividendo

Agricultura e alimentação, Energia, Água e saneamento, Mobilidade, Fomento ao empreendedorismo, Serviços financeiros, Consumo consciente, Logística, Florestas e Uso do Solo, Gestão de Resíduos, Regeneração do planeta e de seus ecossistemas

– Clareza quanto ao produto e/ou serviço
– Negócio e Potencial de Mercado
– Potencial de criação de empregos e Impacto Social
– Inovação e potencial tecnológico
– Impacto Ambiental e na Mudança Climática
– Força e composição do time de trabalho
– Fit com a chamada
Depois, as startups pré-finalistas são entrevistadas para aprofundar o conhecimento sobre as soluções acerca dos seguintes aspectos:
1. Habilidades do empreendedor e equipe
2. Entendimento da solução e alinhamento com o propósito da chamada
3. Grau de inovação e diferencial em relação a concorrentes
4. Etapa na jornada, números e potencial de crescimento
5. Riscos socioambientais

1) Inscrição (cerca de 40 dias)
2) Análise da base de inscritos e seleção dos pré-finalistas
3) Entrevistas por call com os pré-finalistas
4) Diagnóstico das iniciativas selecionadas
5) Capacitações e mentorias
6) Apresentação de pitch para banca de jurados em eventos relevantes do ecossistema
7) Anúncio dos vencedores dentro desses eventos
8) Benefícios e premiações

Número de negócios já apoiados: 30

Ano em que o programa começou: 2018

O são Negócios de Impacto, Novembro 2019 – Aliança pelos Investimentos e Negócios de Impacto

Suplementar – foco Climate Ventures

Um negócio bom para o clima deve ter pelo menos um e/ou outro dos atributos abaixo:
– Mitiga emissões de gases do efeito estufa
– Contribui com adaptações às mudanças climáticas
– Regenera o Planeta Terra e seus ecossistemas
– Reduz pressão sobre recursos naturais ao longo de toda a cadeia produtiva

Um negócio bom para o clima deve ter necessariamente (normativo):
– Tem modelo de negócio que visa a sustentabilidade financeira através dos serviços e produtos que desenvolve
– Promove justiça social no desenvolvimento de suas atividades e em toda a cadeia produtiva

Agricultura e alimentação, Energia, Água e saneamento, Mobilidade, Fomento ao empreendedorismo, Serviços financeiros, Consumo consciente, Logística, Florestas e Uso do Solo, Gestão de Resíduos, Regeneração do planeta e de seus ecossistemas

Não há restrições acerca da política de dividendo

Climate Ventures

Somos uma plataforma de Bons Negócios Pelo Clima.

São Paulo,

2018

Instituto

10

  • Doação de PJ

*A veracidade das informações aqui descritas são de responsabilidade da organização Climate Ventures. Os dados foram atualizados em 3 de agosto de 2020.